Saltar para o conteúdo

Notícias

Scorsese diz que a Marvel não faz cinema e artistas respondem

Martin Scorsese deu uma declaração polêmica recentemente. Perguntado se assiste aos filmes da Marvel, o diretor de clássicos como Taxi Driver e Os Bons Companheiros disse que não porque eles "não são cinema". O comentário agitou Hollywood, com respostas firmes de gente importante que não concorda com o cineasta nova-iorquino ou, ao menos, respeita sua opinião.

"Martin Scorsese é um dos meus cinco cineastas favoritos vivos. Fiquei indignado quando as pessoas criticaram A Última Tentação de Cristo sem ter assistido ao filme. Estou triste por ele estar julgando os meus filmes da mesma maneira", declarou James Gunn, diretor e roteirista da franquia Guardiões da Galáxia.

Intérprete de Nebula em Vingadores: Guerra Infinita e Vingadores: Ultimato e originária da franquia espacial de James Gunn, Karen Gillan fez coro em discordar de Scorsese: "Eu diria, absolutamente,  que os filmes da Marvel são cinema. Cinema é um jeito de contar história combinado com o visual. Há muito coração e alma, é a alma de James ali. Ele injeta tanto de sua própria personalidade, seu senso de humor. É uma grande representação de quem ele é como pessoa e por isso é muito cinematográfico. Ele é um artista", disse ela, com doçura. 

Robert Downey Jr. foi ainda mais racional que seus colegas de elenco. O ator disse que respeita a opinião de Scorsese, "pois, como em tudo, precisamos de perspectivas diferentes para que a gente consiga avançar". Ele teve postura parecida (e igualmente surpreendente, dada sua fama de polêmico e vaidoso) quando consultado pela Marvel se queria uma campanha em prol de sua indicação ao Oscar. Com modéstia, ele disse que é muito mais do que nós, meros mortais, do que podemos imaginar. Quem diria...

O próximo filme de Martin Scorsese é o aguardado O Irlandês, com os astros Robert De Niro, Al Pacino e Joe Pesci no elenco e estreia marcada para 27 de novembro na Netflix. A Marvel segue em um período de preparação para sua Fase 4 após os eventos de Vingadores: Ultimato. Seu início será com Viúva Negra, no dia 1º de maio de 2020.

Comentários (19)

CitizenKadu | terça-feira, 15 de Outubro de 2019 - 05:59

...de pixelagem na "nuvem". Concluindo, em matéria de arte cinematográfica, fora do nicho dos cinéfilos dos cinemas de arte e mostras ou para quem gosta de uma boa coleção cinéfila, e dentro da massa de populares que só buscam escapes ou pessoas que gostam de estudar cinema mas não tem grana para ver tudo no cinema, o streaming por incrível que pareça, agora com o serviço da Disney, é paradoxalmente um recurso das mesmas corporações que dominam as salas de cinema para distribuir filmes e consequentemente democratizar pela acessibilidade econômica (pelo menos por enquanto) o cinema para todos. Pode-se discordar mas não há de se negar que com a evolução tecnológica o meio que você vai utilizar para consumir cinema( de qualquer tipo) será sua própria casa. As pessoas tem que se livrar de dogmas e olhar para o passado e ver que o jeito de consumir arte muda. Todos reclamam do e-book...mas também reclamam da derrubada de árvores...enfim,tudo é hábito.

Ted Rafael Araujo Nogueira | terça-feira, 15 de Outubro de 2019 - 10:51

Macho o Streaming é o futuro. Veio pra ficar. Traz a comodidade de casa, o preço acessível e agora mais qualidade de trabalho. Diretores de renome trabalhando nisso. Esse passo foi dado exatamente pra lutar contra esta dicotomia "Cinema x Streaming". A experiência da sala de cinema ainda é única. Nenhuma exibição caseira supera a experiência da sala escura profissional. Mas isso não pesa tanto quando tu tem acesso fácil na tua frente. Os diretores que reclamam disso, não querem os ventos da mudança, e por isso ficam nesta conversa elitista. Os dois podem viver juntos. O Cinema não vai acabar, tem que se adaptar aos novos tempos.

Josiel Oliveira | terça-feira, 15 de Outubro de 2019 - 12:21

Assisti o Coringa ontem, vejo aqui essa discussão agora com o Scorsese, penso:
Engraçado ele ter falado isso (que eu concordo, mas foda-se rsrs tem uma galera que gosta e eu entendo e respeito, e se botarem eu vejo e me divirto numa boa)... mas justamente ele dizer isso, que tão diretamente influenciou o Coringa. E o Coringa, se não é o melhor filme de herói de HQ de todos os tempos, o que pra mim já é, é com certeza o mais CINEMA (no sentido mais elitista de cinéfilo da parada).
Respect Scorsese modafoquer kkkk o véio é foda!

Araquem da Rocha | terça-feira, 15 de Outubro de 2019 - 16:42

Isso aí. Essa declaração do Sorsese tá parecendo promoção pra Warner/DC pro lançamento de Coringa, onde sua colaboradora produziu.

Mas também fico com esse tipo de filme, como o Coringa, do que com a formula batida da Marvel, da qual enjoei.

Faça login para comentar.