Saltar para o conteúdo
6,3
Média
134 votos
?
Sua nota
Direção
Roteiro:
Jim Cash (roteiro), Jack Epps Jr. (roteiro), Chester Gould (personagens)
Gênero:
, ,
Origem:
Duração:
103 minutos
Prêmios:
48° Globo de Ouro - 1991, 63° Oscar - 1991

Lupas (8)

  • Um filme que deveria ser mais conhecido hoje em dia. Apesar de Beaty está bem quem atua melhor é Al Pacino como o vilão e surpreendentemente Madonna tem uma boa atuação como uma femme fatale. Aliás ela está linda nesse filme. Muito merecido os três Oscars que ganhou, toda a parte técnica é muito boa. Uma pena a história ser bem fraquinha. Apesar disso Dick Tracy é um bom e divertido filme. Recomendado.

    Thiago Cavalcante Hércules | Em 09 de Outubro de 2019 | NOTA: 7.5
  • Filme sem compromisso, com um vilão caricato sensacional de Al Pacino.

    Renan Paiva | Em 05 de Janeiro de 2018 | NOTA: 6.0
  • Não gostei dessa adaptação! Achei a história fraca e tirando o Al Pacino as outras atuações não me agradaram, a única coisa que me chamou a atenção no filme foi a fotografia.

    Sandro Pimentel Martins | Em 12 de Abril de 2016 | NOTA: 4.5
  • Se eu tivesse visto isso quando era pirralho, certeza que teria gostado.

    Daniel Maximo | Em 03 de Outubro de 2015 | NOTA: 6.0
  • A elegante direção de Warren Beatty e a divertida atuação de Pacino são o melhor dessa obra que, num todo, fica abaixo da média.

    Daniel Oliveira | Em 28 de Dezembro de 2012 | NOTA: 6.5
  • Uma embalagem toda pomposa, repleta de estrelas, amarrada por um espírito noir fake irregular que não sabe se segue os clichês habituais ou faz uma sátira de si mesmo.

    Vinícius de Castro | Em 23 de Fevereiro de 2012 | NOTA: 5.0
  • Uma história em quadrinhos descompromissada,e violenta,ingênua,porém criativa.Usando variadas cores e cuja história não é sobrepujada pelos seus efeitos: Sim !

    Adriano Augusto dos Santos | Em 21 de Janeiro de 2012 | NOTA: 7.5
  • Para que gastar tanto dinheiro com o elenco, se ele vai ser tão mal aproveitado? Hoffman e Bates não mereciam seus papéis ridículos.

    Daniel Mendes | Em 03 de Julho de 2011 | NOTA: 6.0